quinta-feira, 29 de outubro de 2015

A 29 de Outubro de 1930 - Nasceu Omara Portuondo





Omara Portuondo, cantora e dançarina cubana, cuja carreira se estendeu por meio século, nasceu em Havana no dia 29 de Outubro de 1930.
Fez parte da formação original do Cuarteto d'Aida (1952) e actuou com: Ignacio Piñeiro, Orquesta Anacaona,Orquesta Aragón, Nat King Cole, Adalberto Álvarez, Los Van Van, Buena Vista Social Club, Pupy Pedroso, Chucho Valdés, Juan Formell e Maria Bethânia.
A sua mãe tinha por origem uma família rica espanhola e, “normalmente”, deveria ter casado com um homem da sua casta social. Preferiu porém um jogador de basebol cubano de raça negra.
Omara começou a sua carreira na Radio Cadena Habana, onde obteve vários prémios.
Integrou muitos shows famosos. Em 1959, gravou o seu primeiro álbum a solo – “Magia Negra” – para a editora cubana Velvet. Em 1967, deixou o Cuarteto d’Aida e lançou-se numa carreira a solo que a conduziria ao Olympia de Paris e ao Carnegie Hall de Nova Iorque.
Sentia-se à vontade em todos os géneros musicais, desde boleros até ao jazz, passando por canções líricas. Em 1996, participou no célebre Buena Vista Social Club. Com o grupo Síntesis interpretou “Sin ti no soy”. Recebeu a Medalha Alejo Carpenter em 1988 e a Ordem Félix Varela em 2002. Completa hoje 85 anos de idade.