segunda-feira, 23 de novembro de 2015

A 23 de Novembro de 1941 - Nasceu Franco Nero



Franco Nero, de seu verdadeiro nome Francesco Sparanero, actor italiano, nasceu em Parma no dia 23 de Novembro de 1941.
Estudou durante algum tempo na Faculdade de Economia e Comércio, abandonando depois os estudos para ingressar no Piccolo Teatro de Giorgio Strehler em Milão.
O seu primeiro papel no cinema foi uma pequena participação no filme “La Ragazza in Préstito”, em 1964. A sua primeira interpretação importante aconteceu na película “Django (1966), um western clássico de produção ítalo espanhola. Ainda nesse ano, participou em mais oito filmes, entre os quais “Tempo di Massacro” e “Texas, addio”. É considerado um dos melhores actores europeus de westerns ainda vivo, tendo privilegiado também filmes policiais, de guerra, de terror e de ficção científica.
Em 1967, entrou no seu primeiro filme em inglês, “Camelot”, a que se seguiram – entre outros – “The Virgin and the Gipsy” (1970), “Force 10 From Navarone” (1978), “Enter the Ninja” (1981) e “Die Hard 2” de 1990.
Teve interpretações memoráveis em “A Bíblia” (1966), onde interpretou o papel de Abel, filho de Noé, e em “Querelle” (1982)), onde protagonizou um tenente homossexual. Franco Nero já actuou em cerca de 150 filmes e também escreveu, produziu e interpretou a película “Jonathan degli Orsi” (1993).
Entre os realizadores com quem trabalhou, salientam-se Luis Buñuel, John Houston, Rainer Werner Fassbinder e Claude Chabrol, entre muitos outros. Fez também filmes dirigidos por cineastas húngaros, jugoslavos e argelinos.
Durante as filmagens de “Camelot”, aproximou-se da actriz Vanessa Redgrave, com quem viria a casar-se e com quem teve um filho em 1969.
Uma das suas mais recentes actuações foi em “Django Unchained”, escrito e dirigido por Quentin Tarantino, lançado em 2012 e no qual contracenou com Leonardo Di Caprio. Franco Nero, actualmente com 74 anos, continua activo tanto na televisão como no cinema.